Publicado em

UM ANO SEM MEUS PAIS

foto2

Um ano sem meus pais

Entre abril e junho de 2013, perdi meu pai e minha mãe. Um hoje se passou, parece que foi ontem. Nestes últimos anos, meus pais já sentiam a velhice, não é fácil, parece que sabiam que estava chegando o fim. Meu pai após quase 3 meses no hospital, faleceu de 05 de abril, e deixou minha mãe sozinha. O sofrimento após 60 anos junto com meu pai foi muito grande; ela dizia sempre- Não quero mais viver quero ir embora, vou encontrar o papai. Deus acatou seu pedido, e a levou embora no dia 02 de junho, menos de dois meses depois do meu pai.

É duro digerir tudo isso, mas, percebi que mesmo eles estando no final da vida, bem velhinhos, eles eram meu porto seguro. Hoje eles não estão mais aqui, quanta falta sinto deles. Gostaria então de, em homenagem a eles, dizer que eles fizeram e deram tudo o que podiam dar, e que, o homem que sou hoje, devo exclusivamente a eles: caráter, integridade, perdão, caridade, amor, cumplicidade, amizade, foram algumas das coisas que eles me deram. Essas coisas são exatamente tudo que um homem precisa para ser um homem de verdade, isso tudo se deve ao exemplo deixado por eles. Os filhos são os frutos da semente que os pais plantaram, isto é inegável.

Obrigado por tudo que vocês fizeram por mim, sei que vocês estão em algum lugar olhando por nos, fui sempre grato por tudo que fizeram por mim, mas uma coisa faltou, falar a vocês o quanto eu os AMO, por isso esteja aonde estiverem quero dizer – AMO VOCÊS , obrigado.

Peter Kuhn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.